Pesquisar este blog

sábado, 25 de março de 2017

Conheça Melhor a Mandioca



Porque a mandioca é uma excelente alternativa à batata? 

A mandioca fornece alguns nutrientes importantes e amido resistente, que pode ter benefícios para a saúde. 

É rica em amido resistente, não contém glúten. 

Ela também fornece fibra, bem como algumas vitaminas e minerais.

Indivíduos com alergias alimentares muitas vezes se beneficiam do uso da mandioca na culinária porque ela não contém glúten.

Por outro lado, a mandioca pode ter efeitos potencialmente perigosos, se for consumida crua e em grandes quantidades. 
A mandioca crua pode ser venenosa. Ela tem uma forte componente  de antinutrientes, uma substância que as plantas produzem para se defender dos predadores. Leia mais sobre isto a seguir.


É Rica em Amido Resistente



A mandioca é rica em amido resistente, um tipo de amido que ignora a digestão e tem propriedades semelhantes à fibra solúvel.

Consumir alimentos ricos em amido resistente pode ter vários benefícios para a saúde em geral.

Em primeiro lugar, o amido resistente alimenta as bactérias benéficas em seu intestino, o que pode ajudar a reduzir a inflamação e promover a saúde digestiva. Ele desempenha um importante papel em impedir determinadas circunstâncias metabólicas e em promover a saúde intestinal.
  
O amido resistente também contribui para uma melhor saúde metabólica e reduz o risco de obesidade e diabetes tipo 2.

Isto é devido ao seu potencial para melhorar o controle do açúcar no sangue, além de seu papel na promoção da saciedade e redução do apetite.

Os benefícios do amido resistente são promissores, mas é importante notar que muitos métodos de processamento podem empobrecer os alimentos deste precioso nutriente.

Porém os produtos feitos de mandioca como o polvilho e a tapioca, tendem a ser mais pobres em amido resistente do que a mandioca cozida.

A mandioca contém alguns nutrientes-chave

Uma porção de 100 gramas de mandioca fervida contém 112 calorias. 98% destes são carboidratos e o resto são uma pequena quantidade de proteína e gordura. Ela também fornece fibra, bem como algumas vitaminas e minerais. Uma boa dica é comer alguma proteína junto com mandioca. Isto pode ser benéfico, uma vez que a proteína ajuda a limpar o corpo de cianeto tóxico. 

Os seguintes nutrientes são encontrados em 100 gramas de mandioca cozida:

Calorias: 112
Carboidratos: 27 gramas
Fibra: 1 grama
Tiamina: 20% do RDI
Fósforo: 5% do RDI
Cálcio: 2% do RDI
Riboflavina: 2% da RDI
Contém pequenas quantidades de ferro, vitamina C e niacina.

Em geral, o perfil nutricional da mandioca não é digno de nota. Embora forneça algumas vitaminas e minerais, as quantidades são mínimas.

Todavia existem alguns outros vegetais de raiz que você pode comer que fornecem significativamente mais nutrientes como a beterraba e batata-doce, para citar apenas dois.

Isso ocorre porque muitas das vitaminas e minerais são destruídos pelo processamento, bem como a maior parte da fibra e amido resistente.

Portanto a tapioca tem um valor nutricional um pouco limitado. Por exemplo, a tapioca fornece nada além de calorias e uma pequena quantidade de alguns minerais.

A mandioca cozida tem demonstrado reter a maioria dos nutrientes, com exceção da vitamina C, que é sensível ao calor e vai embora na água.

Contém Antinutrientes

Uma dos principais defeitos da mandioca é seu alto índice de antinutrientes

Antinutrientes são compostos vegetais que podem interferir com a digestão e inibem a absorção de vitaminas e minerais no corpo. 

É uma substância que pode bloquear a absorção de minerais, como cálcio, magnésio, cobre, ferro e zinco no trato digestivo.

Estas substâncias não são uma preocupação para a maioria das pessoas saudáveis mas seus efeitos podem ser importantes para se manter em mente em alguns casos.

Eles são mais propensos a impactar as populações em risco de malnutritição.

Aqui estão os antinutrientes mais importantes encontrados na mandioca:

Saponinas: 

Antioxidantes que podem ter inconvenientes, como a redução da absorção de algumas vitaminas e minerais. Interferem com a absorção de ferro, zinco, cobre e tiamina.
Os efeitos dos antinutrientes são mais proeminentes quando se trata de absorção de magnésio, cálcio, ferro e zinco.

Eles podem ser preocupantes se consumidos com freqüência e como parte de uma dieta nutricionalmente inadequada. Se você consumir mandioca só ocasionalmente, os antinutrientes não devem ser uma causa importante de preocupação.

Na verdade, em algumas circunstâncias, os antinutrientes, como taninos e saponinas podem ter efeitos benéficos para a saúde. 

Leia mais aqui sobre os antinutrientes.


Pode ter efeitos perigosos em algumas circunstâncias


A mandioca pode ser perigosa se consumida crua e em grandes quantidades.
Isso é porque a mandioca crua contém produtos químicos chamados Glicosídeos Cianogênicos, que podem liberar Cianeto no corpo.

Quando consumidos com freqüência, aumentam o risco de envenenamento por cianeto, o que pode prejudicar a função da tireóide e dos nervos. 

Em doses maciças pode ser associado com paralisia e dano de órgãos, e pode ser até fatal.

Aqueles que têm um estado de má nutrição global e baixo consumo de proteína são mais propensos a experimentar esses efeitos, uma vez que as proteínas ajudam a liberar o corpo do cianeto.

Além disso, em algumas áreas do mundo, a mandioca tem demonstrado absorver substâncias químicas nocivas do solo, como arsênio e cádmio.

Isso pode aumentar o risco de câncer naqueles que dependem da mandioca como alimento básico.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor me de a sua opiniao